Como garantir uma limpeza eficaz nos ambientes hospitalares

Todo hospital possui uma grande quantidade de vírus e bactérias que causam diversas enfermidades, e é fundamental ter uma equipe especialista para realizar a função.

Nos hospitais existem diversos ambientes, UTIs (Unidades de Terapia Intensiva), centros cirúrgicos, enfermarias, ambulatórios e áreas administrativas, por isso diferentes procedimentos e produtos são necessários para a limpeza, desinfecção e esterilização dos espaços e equipamentos.

A ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) estabeleceu critérios que todos devem seguir na limpeza. Os hospitais prestam um serviço essencial à população, e por esse motivo passam por uma rigorosa fiscalização. Você pode conferir mais informações clicando aqui.

Também foi disponibilizado on-line um manual sobre a segurança hospitalar, onde é abordado tópicos e explicações com diversas medidas de segurança.

Um ponto que merece atenção é a biossegurança, você sabe o que é? É um conjunto de ações voltadas para a prevenção e proteção de todos que estão naquele espaço, uma vez que estes ambientes necessitam de cuidado redobrado. Garantir a biossegurança dos colaboradores e pacientes é algo indispensável nestes ambientes.

Confira as etapas necessárias para garantir uma higienização completa:

1 – Limpeza

Esse é o primeiro passo para qualquer ambiente, aqui acontece a limpeza das superfícies e matérias orgânicas. Vale lembrar que varrer e espanar são completamente proibidos em hospitais, o correto é utilizar os panos e esfregões, também conhecidos como mops.

2 – Desinfecção

Nesta etapa é realizada a desinfecção das superfícies e equipamentos como estetoscópio. Os principais produtos utilizados são iodo, compostos fenólicos como os desinfetantes, hipoclorito de sódio e formaldeído, mais conhecido como formol. 

3 – Esterilização

Aqui acontece a eliminação completa dos vírus, bactérias e fungos através de agentes químicos (produtos) ou físicos (calor úmido, seco ou radiação).

O hospital precisa fornecer equipamentos de proteção, ambientes reservados para a preservação de produtos (leia mais sobre este assunto aqui), oferecer treinamento para a equipe e estabelecer um cronograma de limpeza que deve ser seguido diariamente.

Outro ponto importante para ser direcionado a equipe é referente ao cuidado e atenção para usar os produtos de limpeza. As instruções devem ser seguidas sem hesitar, pois cada produto deve ser analisado para não causar desconforto aos pacientes e colaboradores.

Utilizar os produtos corretos torna a limpeza mais eficiente e são os melhores aliados contra vírus e bactérias.

Clique aqui e confira os produtos disponíveis especificamente para hospitais e clínicas médicas. A MM Primo oferece excelentes opções com ótimos preços.

Quer saber mais? Ligue para o número 0800 10 9667 e converse com um especialista!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×